Festival Politica

Para onde vai a Europa?

 

 


O Festival Política, criado em 2017, com o objetivo envolver toda a sociedade civil e fomentar o espírito político português, regressa este ano e cresce para Braga e Évora, além de Lisboa, onde tiveram lugar as anteriores edições.

Em ano de eleições europeias e legislativas, o festival procura chegar a um maior número de participantes, promovendo uma maior consciência política e social, sobretudo nas gerações mais novas. Em Lisboa, o Política terá lugar no Cinema São Jorge, de 25 a 28 de abril, um mês antes das eleições europeias. A cidade de Braga inicia o evento no Dia da Europa, recebendo o festival de 9 a 11 de maio, no gnration. Numa altura de pós-eleições, o festival vai até ao Alentejo, à cidade de Évora (30 de maio a 1 de junho, no Teatro Garcia Resende).

Todos os anos, o Política aborda um tema diferente, mas sempre ligado à atualidade. Em 2019 centra-se na “Europa”, depois de “Abstenção” e “Direitos Humanos” nas edições passadas. O evento, totalmente gratuito, irá abordar temas como as eleições europeias, o populismo e a pressão migratória que estão a criar divisões no espaço da União Europeia, o Brexit e as fake news.

Rui Oliveira Marques, cofundador do projeto, afirma que “nas últimas europeias a taxa de abstenção chegou aos 66,2 por cento em Portugal e é um dos valores que temos de combater. A um mês das eleições europeias, o Festival Política vai ser uma montra e um laboratório do poder da cidadania na reformulação da identidade europeia, contribuindo para tornar inteligível o próximo caminho da UE num mundo inegavelmente multicultural e interdependente.”.

A programação deste ano contará com cinema, debates, talks, performances, exposições, concertos e atividades para crianças, entre as quais se destacam algumas novidades:

  • A presença do humorista Hugo van der Ding que promete fazer uma viagem pelos preconceitos europeus com o seu mais recente espetáculo;
  • A estreia do filme “The Trial: The state of Russia vs Oleg Sentsov”, escrito por um opositor declarado da anexação da Crimeia pela Rússia e premiado com o Prémio Sakharov atribuído pelo Parlamento Europeu;
  • Um speed dating (cara-a-cara) entre todos os participantes interessados com os deputados e candidatos ao Parlamento Europeu.


A programação do festival é da responsabilidade da Associação Isonomia, com produção da Produtores Associados. O evento conta com o apoio da EGEAC, Câmara Municipal de Évora, Câmara Municipal de Braga, Secretaria de Estado para a Cidadania e Igualdade, Instituto Português do Desporto e Juventude, Comissão Nacional de Eleições, Gabinete do Parlamento Europeu em Portugal e Representação da Comissão Europeia em Portugal.

 

Festival política 2020 © All rights reserved.